Professores de Propriá receberão novo piso já este mês

21-05-2011 00:36

Os profissionais do magistério, em Propriá, se reuniram na tarde da última quarta-feira com o prefeito Paulo Britto, para reivindicar o pagamento do reajuste do piso nacional da categoria. Prontamente, o chefe do executivo se comprometeu a fazer todas as adequações. "Não tem o que discutir fomos os primeiros a pagar o piso na sua integralidade e nem precisamos da decisão do supremo em relação ao piso para dar esse aumento pois já entediamos assim,  além do que os professores merecem ser reconhecidos pelo papel fundamental que exercem na sociedade", endagou o prefeito. Nunca se viu tanta harmonia numa reunião quando o assunto é aumento salarial

 

Na próxima terça-feira, o prefeito vai encaminhar à Câmara de vereadores, em caráter de urgência, o projeto de lei que oficializa o reajuste do piso, que será pago retroativo ao mês de janeiro. Após a votação, os professores receberão os novos valores ainda este mês. "Ressalto que está sendo feito um esforço enorme da administração para pagar esse piso, pois o impacto na folha dos professores é em torno de R$ 55 mil, que vai sair dos já escassos recursos próprios do município, tendo em vista que nenhum dos governos, diga-se estadual e federal, repassam um centavo sequer para ajudar os municípios no pagamento desses salários", afirmou Paulo Britto.  

O prefeito aproveitou ainda a oportunidade para informar aos professores que buscando a liberação de recursos provenientes da emenda parlamentar do então deputado federal Iran Barbosa no valor de R$ 200 mil para reforma de escolas, que no início do ano estava empenhada, com o convênio assinado, e que subitamente esta liberação foi cancelada. " O deputado federal Rogério Carvalho deixou o seu gabinete em Brasília à nossa inteira disposição e estamos correndo para reaver esses recursos que vão ser de grande valia para melhorar a infraestrutura de algumas escolas", frisou o prefeito. 

 

Fonte: Cocs/Pirambu
 

Voltar